Um Sistema CFTV Residencial faz toda a diferença

Com a violência aumentando muitos estão se preocupando com a segurança do lar, monitoramento de residências está muito comum nos dias de hoje e isso era algo que somente grandes empresas tinham, mas a necessidade de viajar a residência tanto por fora quanto por dentro vem tendo uma alta demanda, com isso vamos ajudar a você com apenas 3 etapas como instalar seu sistema de segurança. Na sua instalação você poderá optar pelo cabeamento RG59 ou RG6, esses cabos conhecidos como siameses possuem a função de vídeo e alimentação, sendo assim você não precisa se preocupar em instalar a sua câmera perto de fontes de energia, pois os cabos siameses vão da câmera até DVR sem interrupção, cada câmera terá seu cabo e ele ao se conectar em seu aparelho já terá vídeo e a alimentação necessária para a câmera.

De um lado conecta-se ao cabo (ao par que está no cabo coaxial bipolar) e no outro lado permite a conexão diretamente à câmera de segurança. Esse também não é procedimento para exibir imagens de câmeras IPs. cabeamento BNC é cabo que conecta sua câmera em seu DVR, basta encaixar e girar a rosca para que seja feita a conexão, esse cabo possui ambos lados iguais, dessa forma facilita na instalação, basta plugar no local indicado em seu DVR.

IMPORTANTE: Esse KIT de instalação de câmeras é só um exemplo do que encontra no mercado. Se sistema CFTV analógico já é bastante funcional, sistema digital vem para tornar monitoramento ainda mais eficiente, possibilitando que os equipamentos sejam ainda mais eficazes em suas funções.

Um Sistema CFTV Residencial faz toda a diferença no cuidado de quem se ama, isso porque ele é fundamental na segurança do ambiente, curso tecnico de cftv é bom, uma vez que além de inibir possíveis ações, ele pode ainda, caso algo venha a acontecer, auxiliar no reconhecimento dos indivíduos.

Se você é profissional da área de instalação, sabe muito bem que mercado está mais agressivo e que é necessário oferecer serviços qualificados para seu cliente. Se você pretende utilizar as câmeras analógicas de alta resolução, deve realizar outro procedimento que utiliza um conversor de sinais, mas esse não é tema desse artigo, por isso certifique-se que sua câmera é tipo CVBS.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *